11 de mar de 2009

Meu nome não é Johnny



Aqui está mais um filme brasileiro que me conquistou:
Meu nome não é Johnny é baseado na história real de João Estrella, um jovem carioca, oriundo de uma família da classe média, que se tornou no maior vendedor de drogas do Rio de Janeiro.
Embora seja contra os negócios dos drug-dealers, passei o filme todo a torcer para que João conseguisse alcançar os seus objectivos e que escapasse ileso das confusões em que se meteu (isto sem saber que se tratava de uma história real, do qual me apercebi só no fim do filme). João é uma pessoa interessante, bem humorada e com boa energia, e devido a isso terá conseguido escapar a um final menos feliz. Devido a isso e à juíza que acompanhou o caso dele nos tribunais, que conseguiu ver nele algo mais do que um criminoso.
O filme conta com Selton Mello (João Estrella), Cleo Pires (filha da actriz Glória Pires, faz de Sofia, namorada de João) e Cássia Kiss (juíza) nos papéis principais.

Lembro-me de gostar do Selton Mello a interpretar personagens de telenovelas, mas tornei-me sua fã depois de o ter visto em O Auto da Compadecida e em Lisbela e o Prisioneiro, em que representa personagens bem engraçadas e caricatas. O próximo filme, com ele, que penso assistir é Os Desafinados, que também promete!

Um comentário:

rafa disse...

Vi - fantástico ;)