10 de set de 2008

Perfekt Deutsch

Pela primeira vez, apresento-vos neste blogue uma revista. Aliás, a única que ultimamente me tem acompanhado por estas terras germânicas: Perfekt Deutsch.
É uma revista mensal direccionada a quem tem interesse em aprender a língua alemã e que se encontre a residir na Alemanha. O público alvo é, portanto, o imigrante.
Tem por objectivo apresentar textos de fácil compreensão comparativamente aos jornais habituais nas bancas dos quiosques, ajudando quem está a aprender a língua alemã a ter contacto com informação sobre o mundo que nos rodeia, mas de uma maneira menos desmotivante, como acontece quando ouvimos o telejornal e não percebemos o que dizem (de tão rápido que falam e até pelo vocabulário que usam).
Para quem já viveu uma situação parecida, viver num país estrangeiro cuja língua se está a tentar aprender, sabe perfeitamente o quanto desmotivante pode ser, não nos sentirmos verdadeiramente integrados na sociedade do respectivo país de emigração. Uma revista que seja feita para Nós (sim, sou emigrante!) é uma maneira de nos sentirmos acolhidos e principalmente compreendidos!
Os textos abordam temas actuais nacionais e internacionais sobre economia, cultura, educação, turismo, etc.. Enfim, todos os temas que se pode encontrar num jornal "normal" mas redigido para Nós. Ao lado de cada texto existe sempre um quadro explicando as palavras do texto de difícil compreensão. Para além dos temas que já mencionei dão também informações úteis sobre políticas de controlo de imigração, que do meu ponto de vista, costumam ser claras, sucintas e úteis.
É acompanhada de exercícios gramaticais, de argumentação e até de simulação de situações de rotina, como p.ex., a ida a um médico.
Podem também oferecer como "brinde" uns pequenos glossários (de vocabulário mais "básico") acompanhado pela respectiva ilustração (p.ex.: vestuário, utensílios de cozinha, etc..).

De várias acções desenvolvidas na Alemanha para ajudar na integração dos imigrantes na sua sociedade, várias iniciativas são de louvar. Inclusivamente esta revista. Quando tive conhecimento desta revista pensei: e o que se desenvolve em Portugal para ajudar os imigrantes? O que será ser imigrante em Portugal? Sentir-se-ão bem acolhidos ou muito pelo contrário, apenas marginalizados?
Eu não sei o que é ser imigrante em Portugal, mas começo a perceber o que é sê-lo na Alemanha. E dou por mim a pensar naqueles que escolheram Portugal como "país das oportunidades" e acabo por... Não saber o que pensar.
Claro que ser emigrante tem os seus "momentos menos bons", mas no geral, o português é muito bem recebido por estas bandas! Pelo menos em Hamburgo! Misturamo-nos, damo-nos a conhecer, participamos, e principalmente não criamos problemas.

Aqui fica então uma perguntinha: para quando a revista "Português Perfeito"?

2 comentários:

disse...

E que tal criarmos uma rubrica chamada «Português Perfeito», aqui no blog ? Si, tratas da estrutura da coisa? Ou será que isso daria mesmo lugar a um novo blog onde poríamos os erros, as dúvidas e as certezas da nossa língua? Eu ía adorar! Vocês bem sabem como eu ía adorar!

Ana disse...

Bem... Essa cabecinha não pára!
Eu entro nessa!